acabe de vez com conteudo duplicado com canonical link element

4 comentários


 O canonical link é especificado da seguinte maneira:
<head>

<link rel=”canonical” href=”url-canonica.html” />

</head>

Atenção para a “/” final ao fechar a tag link, ela é importante! Vamos ver a teoria por trás deste elemento.
O canonical link tem seu funcionamento muito similar ao de um redirecionamento 301, mas é condicional: somente se a search engine considerar que a página visitada (A) e o link referenciado na tag canonical (B) são relativamente iguais é que ela vai trabalhar como um redirecionamento 301, ou seja, transferir os méritos (PageRank, inlinks, etc.) de A (duplicada) para B (versão preferencial).
Essa é a principal diferença do canonical link para o redirecionamento 301:
  • Canonical link: a search engine decide se as páginas são duplicadas e repassa parte da força para a versão preferencial;
  • Redirecionamento 301: a search engine passa parte da força de uma URL para outra incondicionalmente.
A vantagem de usar a tag link com o rel=”canonical” é que você especifica isso diretamente na página, sem se preocupar com configuração no servidor. E, na verdade, usando o canonical link, você dá uma forte dica para a search engine de qual é a URL original. Para os exemplos citados anteriormente, funciona perfeitamente:

Canonização de URL www vs. non-www vs. /  vs.  non-/
  • meusite.com.br/
  • www.meusite.com.br
  • canonical: <link rel=”canonical” href=”http://www.meusite.com.br/” />

Canonização de URL com variável de sessão:
  • meusite.com.br/index.php?jsessid=141513512mOI909afe
  • meusite.com.br/index.php?jsessid=jjaoafsa999a8s9fyasha
  • canonical: <link rel=”canonical” href=”http://www.meusite.com.br/index.php” />

Canonização de URL com um parâmetro importante e outros complementares:
  • meusite.com.br/produtos.php?ver=mesa&tipo=mogno
  • meusite.com.br/produtos.php?ver=mesa&tipo=marfim
  • canonical: <link rel=”canonical” href=”http://www.meusite.com.br/produtos.php?ver=mesa” />
Você deve utilizar o link que melhor lhe convir, estes são apenas exemplos. Existem, ainda, outras formas de indicar para a search engine qual a sua versão preferencial de URL:
  • Utilizar uma linkagem interna consistente - utilizar sempre a mesma URL nos links internos
  • Utilizar o sitemap.xml - sim, ele é um forte indicativo de qual a URL correta
Continue Lendo==>>

O que é o rel = "nofollow", sera que devo usá-lo?

0 comentários


A tag "nofollow" (como é comumente chamado) é um atributo HTML proposta por Matt Cutts da Google e Jason Shellen do Blogge uma recomendação, em nome dos motores de busca para adicionar um identificador especial às ligações que não devem ser contabilizados para resultados de pesquisa. Por exemplo, unmoderated comentários do blog pode ser um candidato para o atributo "nofollow".

Um link de exemplo utilizando o atributo "nofollow":

<a href="http://intavant.com/" rel="nofollow">

Quer usar a tag "nofollow" ou não é uma decisão pessoal. O Google recomenda que, no entanto, muitas pessoas discordam com ele. Adicionando o atributo "nofollow" para enviar suas ligações comentário no blog, links pagos, e qualquer outro unmoderated vai ajudar a manter o nariz limpo com o Google. No entanto, se você não concorda com a recomendação, como eu, não há dúvida nenhuma obrigação de utilizar o atributo.

Os motores de busca como o Google empurrar para proprietários de sites para adicionar a tag "nofollow" para links pagos / patrocinado, em um esforço para impedir a manipulação motor de busca ranking. Várias deficiências da abordagem, além da participação de líderes de pesquisa do motor "enormes em publicidade online, não foram recebidos calorosamente pela comunidade Webmaster.

Apesar da resposta, o Google em especial, é de grande interesse para profissionais SEOs e webmasters com rankings motor de pesquisa na linha. Os anunciantes também precisam decidir se nofollow links valem a pena comprar mais nada. A natureza do mercado estabelece os donos honestos site para ser o mais danificado. A Internet é ainda muito o "Wild West", e sem qualquer tipo de prestação de contas online, as pessoas vão simplesmente encontrar novas maneiras de contornar a marca. Como os critérios para uma ligação de qualidade reforça, webmasters obter mais sofisticados, ea linha entre SPAM e "real" sítios continua a borrar.

Tags: Yahoo Bing, dofollow, google, nofollow,
Continue Lendo==>>

Saiba como adicionar sua url nos melhores sites de buscas

1 comentários
Para garantir visitas ao seu site, você precisa o cadastrar nos motores de busca, crawlers, mais importantes da web. Os crawlers fazem o trabalho de procurar novos links por todos os sites já cadastrados. Se houver um link para o seu site em um site já conhecido, naturalmente os robôs farão a indexação do seu site e, automaticamente, sem maiores esforços ou preocupações ele vai fazer parte das pesquisas. Após isso, as outras páginas irão aparecer lentamente nas páginas dos resultados de busca desde que devidamente e corretamente linkadas em sua própria home page.
Você pode agilizar este processo, cadastrando manualmente seu site nos buscadores. Eles possuem a página com o serviço de submissão grátis, mas não há garantias de que o site cadastrado irá aparecer no índice, pois há uma equipe avaliadora que não permitirá que alguns tipos de site que possam prejudicar a imagem da empresa, sites sem conteúdo ou até mesmo caso ele esteja fora do ar no momento em que seria acessado pelo bot, mecanismo de verificação e indexação dos sites, sejam indexados. Os bots de cada buscador seguem suas próprias regras na hora de indexar um site, muitas delas são semelhantes, mas cada um trabalha para tentar se diferenciar e trazer melhores resultados do que a concorrência. O Google desenvolveu uma tecnologia que se chama Google Page Rank, que faz com que os resultados que aparecem primeiro nas buscas sejam devidos à popularidade dos links, ou seja, a quantidade de indicações que um site tem em outros sites são contadas como votos de confiança e traz a segurança de que seu conteúdo é atrativo e que o site é reconhecido pelos usuários. Atualmente, os outros serviços de busca têm tecnologia semelhante. Todos têm como objetivo ter mais páginas indexadas nos seus índices e oferecer o melhor resultado no topo, tanto que o Google oferece um botão de “I’m Feeling Lucky” ou “Estou com sorte” onde você será direcionado ao primeiro resultado, provavelmente muito coerente com os termos digitados na busca, mas com alto Page Rank.
Para incluir ou adicionar seu site, o cadastro deve ser feito em cada buscador nas páginas: Google, Yahoo!, Live Search. O Google possui ferramentas interessantes denominadas Ferramentas do Google para Webmasters onde você pode checar o status da indexação do seu site, conferir os termos de busca mais comuns e saber quais palavras-chave são as mais clicadas pelos visitantes. Já o Yahoo! tem uma página com o mesmo propósito denominada Yahoo! Site Explorer mas com ferramentas mais básicas como o envio de Sitemaps, quais páginas estão indexadas até o momento e outros que estão em fase beta de teste. No Windows Live Search da Microsoft não existem tais recursos, ou pelo menos desconheço, mas no que se diz respeito à velocidade de indexação este é o mais rápido, sendo que leva dois ou três dias para que um site apareça no índice. Para um site novo, pode sentar e esperar algumas semanas que o Google irá demorar um pouco para apresentar os primeiros resultados, mas ele é o mais eficiente quanto a indexar todas as páginas e todo o conteúdo do site.

Importante pesquisar as técnicas SEO, Search Engine Optimization, para saber como utilizar as meta tags para otimizar os resultados e se quiser bloquear o rastreamento dos robôs para que não façam indexação de alguma página ou diretório, você deverá criar um arquivo robots.txt e deixá-lo no diretório principal do site. Um exemplo desse arquivo que não bloqueia nenhuma página é o seguinte:

User-agent: *
Disallow:
Em user-agent coloca-se o nome do bot proveniente de cada crawler: slurp para bloquear somente Yahoo!, Googlebot para bloquear somente o Google e para o MSN é o MSNBot.
Em Disallow coloca-se o diretório que será bloqueado. Para nenhuma página ser indexada coloque Disallow: /, onde a barra indica que você deseja bloquear tudo, todas as páginas, imagens, diretórios e arquivos.
Espero que o texto tenha sido útil, sempre que possível voltarei com mais informações.
Continue Lendo==>>

Dicas para aumentar o ranking e Web Traffic

1 comentários
Dicas para aumentar o ranking e Web Traffic
Vale a pena catalogar os princípios básicos a serem aplicadas para aumentar o tráfego do site e motor de pesquisa rankings.

• Criar um site com conteúdo valioso, produtos ou serviços.
• Coloque-chave primária e secundária nos primeiros 25 palavras em sua página e distribuí-los uniformemente em todo o documento.
• Investigação e utilizar as palavras corretas frases para atrair seus clientes-alvo.
• Use palavras-chave nos campos à direita e referências dentro da sua página web. Como título, meta tags, cabeçalhos, etc
• Mantenha o seu site de design simples, para que seus clientes podem navegar com facilidade entre as páginas da web, encontrar o que querem e comprar produtos e serviços.
• Envie suas páginas da web ou seja todas as páginas da web e não apenas a home page, para os motores de busca mais populares e serviços de diretório. Contratar alguém para fazê-lo, se necessário. Esteja certo de que este é um manual apresentação. Não se envolva um serviço de envio automático.
• Mantenha o controle de mudanças em algoritmos de motor de pesquisa e dos processos e, consequentemente, modificar suas páginas para que o seu motor de busca ranking permanece elevado. Utilizar ferramentas online e utilitários para manter o controle de como sua
site está fazendo.
• Monitor de seus concorrentes e os websites topo do ranking para ver o que eles estão fazendo para a direita no modo de design, navegação, conteúdo, palavras-chave, etc
• Use os relatórios e registros de sua empresa de hospedagem para ver onde seu tráfego está vindo. Analisar a localização do visitante e suas fontes de entrada se os motores de busca ou links de outros sites e as palavras-chave utilizadas para encontrar você.
• Faça sua visita ao cliente fácil e dar-lhes muitas maneiras de lembrar de você em forma de boletins, relatórios gratuitos, vales de desconto, etc
• Demonstrar a sua indústria e do produto ou do serviço de perícia por escrever e enviar artigos para o seu site ou para os bancos artigo assim que você é percebido como um perito em seu campo.
• Ao vender produtos on-line, o uso de pagamento simples e métodos de transferência para tornar a experiência do seu cliente rápido e fácil.
• Quando não a certeza, contratar profissionais. Embora possa parecer caro, mas é muito menos caro do que gastar o seu dinheiro em um site que ninguém visita.
• Não olhe para o seu site como um folheto estática. Trate-a como um processo dinâmico, em constante mutação ferramenta de vendas e localização, assim como a sua loja real para que os seus clientes com a mesma seriedade.
Continue Lendo==>>
setaretornoaotopo